Mato Grosso,
Terça-feira,
23 de Abril de 2019
informe o texto a ser procurado

Artigos / Patrícia Ferrer

29/01/2018 | 11:44

Comida de gente faz mal para o cachorro?

Muitos donos de cachorros têm essa dúvida. O maior erro dos donos de cachorros é pensar que tudo que comem podem dar para seu cachorro e às vezes um 'pedacinho' pode fazer muito mal ao seu animalzinho.

O problema é que o metabolismo do cachorro é diferente do ser humano. Ele é mais lento e algumas enzimas não são processadas no seu sistema digestivo e até podem causar intoxicação alimentar.

Por exemplo, o leite integral de vaca pode ser muito forte para o organismo dos cães e devem ser misturados com a mesma quantidade de água para não causar problemas digestivos.

Cachorros nunca devem consumir chocolate que pode provocar convulsão, nem cebola, nem alho nem boldo porque atacam o fígado. Frutas cítricas como laranja e limão atacam o estômago. Salsicha por ter nitrato e corante pode dar doenças de pele, baixar a imunidade do cão. Ainda devem ser evitados maracujá, a cafeína, os chás, as uvas, as uvas passas, o abacate, os derivados do cacau, o açúcar, os lácteos, os ossos e as nozes.

Por outro lado o cachorro pode comer outras frutas como melancia, pêra, banana, maçã, melão, morango e mamão, todos em pequena quantidade sempre.

Os legumes e vegetais são ricas fontes de vitaminas e minerais, além de terem um baixo conteúdo calórico e de gordura, que evitam que teu cão ganhe peso demais e tenha problemas nas articulações e de circulação.

Procure dar a seu animal de estimação uma dieta rica em fibras, isso vai ajudá-lo a melhorar o sistema digestivo e a regular o funcionamento do intestino.

Apesar dos cães poderem consumir legumes tanto crus como cozidos, o melhor é que sejam preparados em uma espécie de purê, cuidando que sejam pedaços pequenos e sem sal. Aliás, uma dieta com arroz, frango ou carne pode ser dada para seu cão, mas sem condimentos ou qualquer tipo de tempero ou sal. Tem que ser um preparo diferente do que o humano come. Portanto, dar restos de comida para o cachorro não deve ser feito de maneira nenhuma e em nenhuma ocasião. O ideal é que se você optar por uma dieta com comida ao invés da ração, deve primeiramente consultar um profissional veterinário para que seu animalzinho não venha ficar doente.

Seu cão pode desenvolver alergia a alguns alimentos. Se você perceber algum comportamento excessivo e atípico depois que ele comer, como agitação, se tiver protuberâncias, salivação excessiva, vômitos ou diarreia, urina de forma descontrolada, mostra-se débil ou sofre com tremores, seu cãozinho pode estar passando por uma reação alérgica ou sofrendo uma intoxicação, então deve socorrê-lo imediatamente e levar seu animal ao veterinário para que ele seja examinado e socorrido.

Lembre-se o seu cão é considerado o melhor amigo do homem então seja também o melhor amigo do seu cãozinho cuidando dele e do seu bem estar.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Assista Ao Vivo
 
Sitevip Internet