Mato Grosso,
Terça-feira,
22 de Setembro de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Cidades

16/09/2020 | 08:46 - Atualizada em 16/09/2020 | 08:50

Imagens mostra desespero de macaco, caído no meio da estrada

Redação TV MaisNews

Imagens mostra desespero de macaco, caído no meio da estrada

Foto: Reprodução

Desesperador. Assim pode ser definido o vídeo feito pelo fotógrafo Taiguara Luciano que estava com o vereador Felipe Wellaton, andando numa estrada de terra em Chapada dos Guimarães. Ao avistarem um animal no meio da pista, eles pararam. Um macaco, visivelmente morto. Mas quando se aproximam, confirmam que o animal está vivo e extremamente debilitado. Parece pedir socorro.


No início das imagens, parece que o animal mal consegue respirar. Está esticado no meio da pista. Em pouco tempo, ele começa guinchar baixo e o barulho vai aumentando. Um dos homens tenta dar uma banana para o bicho, mas parece ficar com medo e apenas joga um pedaço. Assustado, o macaco se levanta e corre para o meio da mata.

O vídeo tem repercutido nas redes sociais. As pessoas relatam a tristeza e dor que sentem ao assistir. Algumas pessoas, no entanto, criticam o fato do fotógrafo ter ficado filmando ao invés de tentar dar comida e água para o macaco.

Em um dos comentários em que foi feita a crítica, o vereador Wellaton comenta que a água deles estava congelada. “Nossa água estava (con)gelada, por isso tentamos dar comida antes... mas ele se recuperou e entrou dentro da mata. Há um córrego a 300 metros”.

Outra pessoa comenta: “Mas filmar é mais importante pelo jeito, revoltante”. E Wellaton novamente responde, primeiro afirmando que eles acharam que o animal estava morto.  “Meu amigo Taigua estava filmando a estrada, eu corri pra buscar alimento e água, paramos o carro correndo! A internet virou o palco para opiniões vazias, sem agregar nada. A comunicação serve apenas para trazer engajamento para doações, não para trocar likes! Não precisa curtir, apenas ajude”.

Depois, o vereador confessa que eles ficaram assustado, pois “havia outros macacos na mata esperando ele”. “...fica a vontade de estar pronto para socorrer uma animal silvestre quando necessário! Hoje fomos combater um incêndio em nossa área e falávamos sobre a necessidade de um treinamento de brigadistas para o próximo ano. Tudo é experiência, vivenciando mais uma”.

A situação é a mesma enfrentada por inúmeros animais em Mato Grosso devido às queimadas. No Pantanal, as cenas são ainda mais chocantes. Quem atravessa a Transpantaneira afirma que a estrada mais parece um cemitério de animais.


Fonte: Repórter MT

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Assista Ao Vivo
 
Sitevip Internet