Mato Grosso,
Segunda-feira,
27 de Setembro de 2021
informe o texto a ser procurado

Notícias / Cidades

15/09/2021 | 06:30

Rodando Legal é investigada por vereadores de Cuiabá por indícios de irregularidades em leilões de veículos e preços

Redação TV Mais News


Foto: OLivre
 
 
Presidente da CPI dos Contratos, o vereador Chico 2000 (PL) disse que a empresa Rodando Legal tem dificultado o acesso a informações sobre a execução de serviços assinados com a Prefeitura de Cuiabá. Ele diz que existe demora na entrega dos documentos solicitados e, em alguns casos, quando chegam à Câmara, os arquivos estão danificados. 
 
“A empresa Rodando Legal disse que entregaria documentos à CPI, mas até o momento nada foi protocolado no meu gabinete, nem no gabinete do relator [vereador Demilson Nogueira (PP]. E o que foi mandado em CD não é possível acessar, porque o documento trava. É preciso voltar para a Rodando Legal, que demora mais tempo para responder”, afirmou. 
 
A CPI em andamento na Câmara de Cuiabá analisa, nesta fase, o contrato assinado pela Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) com a Rodando Legal para a remoção e guarda de veículos apreendidos na fiscalização de trânsito na Capital.  
 
Na semana passada, dois representantes da empresa foram ouvidos pela CPI e ambos tiveram prazo de 7 dias para protocolar documentos para comprovar a execução de contrato, porém os membros da comissão não teriam recebido a documentação até o encerramento da sessão desta terça-feira (14). 
Indícios de irregularidades 
 
A comissão conseguiu apurar até o momento que o sócio da empresa Focus Leilão, Alexandre Azambuja, seria o representante da Rodando Legal em certames públicos. Segundo Chico 2000, documentos entregues a ele apontam que as empresas têm vínculo comercial, o que contraria as leis em vigor.  
 
A identificação de vínculo levou à suspensão de um leilão administrado pela Semob. Recentemente, uma moto vendida a um cidadão foi recolhida pela Polícia Militar por identificação de roubo.  
 
Na primeira semana de oitivas, foi identificado também pela CPI que o preço cobrado pela Rodando Legal por dia estacionado em seu pátio é bem acima do mercado. 
 
 
 
 
Fonte: OLIVRE

 
 
 
Assista Ao Vivo
 
Sitevip Internet