Mato Grosso,
Domingo,
21 de Abril de 2019
informe o texto a ser procurado

Notícias / Cidades

08/02/2019 | 16:12

Acusado de racha na Miguel Sutil passará por audiência de custódia; carro pegou fogo em posto

Olhar Direto

Acusado de racha na Miguel Sutil passará por audiência de custódia; carro pegou fogo em posto

Foto: Reprodução

O jovem Guilherme Lucas da Silva, 20 anos, que se apresentou como motorista de um veículo (UP) que estaria participando de um racha, na noite da última quinta-feira (07), na avenida Miguel Sutil, em Cuiabá, passará por audiência de custódia na tarde desta sexta-feira (08). Um Ford Galaxie Landau, que estava estacionado e foi atingido pelo automóvel que estaria disputando corrida com outros três, teve um princípio de incêndio no posto de combustível.

Segundo a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), Guilherme passará por audiência de custódia nesta tarde. Na ocasião do acidente, ele foi submetido ao teste do bafômetro, que não apontou ingestão de álcool. Porém, testemunhas não reconheceram o rapaz como condutor do UP.
 
O acidente poderia ter terminado em uma tragédia ainda maior. Isso porque o Ford Galaxie Landau, que estava estacionado em um posto de combustível e foi atingido pelo UP, teve um princípio de incêndio. Porém, as chamas acabaram controladas rapidamente, evitando o pior.
 
O caso
 
Consta no boletim de ocorrências que populares relataram que o veículo UP e outros três estavam praticando racha na avenida Miguel Sutil. Em dado momento, já próximo do posto que fica em frente ao Parque Mãe Bonifácia, o condutor do primeiro carro perdeu o controle, bateu no canteiro central, atravessou a via, atingiu a mureta do posto e também um automóvel que estava estacionado.
 
Mesmo após atingir carro no posto, o veículo ainda voltou para pista, onde capotou. As testemunhas ainda relataram que ocupantes de outro carro pararam no local, retiraram vários objetos que estavam dentro do UP e fugiram.
 
Quando a equipe da Polícia Militar chegou ao local, foi informada que um dos ocupantes do carro, identificado como Bruno Henrique Navarro, 29 anos, havia fugido logo depois do acidente. Em rondas pela região, o suspeito foi encontrado e detido.
 
Na sequência, um jovem identificado como Guilherme Lucas da Silva, 20 anos, se apresentou e disse ser o condutor do UP. Porém, no veículo foi encontrada uma carteira contendo a Carteira Nacional de Habilitação de Giovanni Alvim Bernardo da Silva, 25 anos. Durante checagem, verificou-se que o automóvel está no nome da mãe dele.
 
O delegado da Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran), Christian Cabral, já assumiu as investigações para verificar as reais circunstâncias do acidente. Guilherme foi atuado pelos crimes de racha e dano.
 
Assista Ao Vivo
 
Sitevip Internet