Mato Grosso,
Segunda-feira,
24 de Junho de 2019
informe o texto a ser procurado

Notícias / Variedades

11/06/2019 | 11:50

TRE-MT busca apoio de Instituições Públicas de controle para concluir biometria em Mato Grosso

Redação TVmaisnews

TRE-MT busca apoio de Instituições Públicas de controle para concluir biometria em Mato Grosso

Foto: Reprodução

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) solicitou apoio da Rede de Controle da Gestão Pública de Mato Grosso para conclusão do cadastramento biométrico dos eleitores de Mato Grosso. Durante reunião do colegiado, o diretor geral do Tribunal, Mauro Diogo, fez uma exposição dos desafios estão colocados para Justiça Eleitoral, em especial para a realização das eleições municipais de 2020.

Ele explicou como o exemplo a situação de Cuiabá e Várzea Grande, onde aproximadamente 40% dos eleitores estão com os títulos cancelados. “O quantitativo de eleitores com o título cancelado nos dois principais colégios eleitorais de Mato Grosso é considerado muito elevado pela Justiça Eleitoral. Em Cuiabá, dos 339.112 eleitores cadastrados, 144.341 estão com os títulos cancelados, o que perfaz um percentual de 43%. Situação semelhante acontece no município de Várzea Grande, onde dos 144.367 eleitores cadastrados, 63.867 estão irregulares”, apontou Mauro.

O prazo para que o eleitor regularize a situação se encerra no início de maio de 2020, quando o cadastro nacional de eleitores é fechado para organização das eleições. Para o secretário de Tecnologia da Informação do TRE-MT, Luiz César Darienzo Alves, “o nosso desafio é conseguir captar e trazer a população para o cadastramento. Nesse sentido é que precisamos do auxílio da Rede de Controle, com a infraestrutura, locais e apoio de atendimento para conseguirmos suprir essa demanda de Cuiabá e Várzea Grande”, disso o Secretário.

Ele explicou que, se o atendimento for, em média, de mil eleitores por dia, terão apenas 150 dias úteis para o cadastramento no caso de Cuiabá, sendo que os postos de atendimento estão sendo pouco utilizados pela população, podemos atender mais. “A nossa intenção é que a rede nos auxilie, como tem nos ajudado muito, a alcançar nosso objetivo para atender o pleito eleitoral do próximo ano”.

A Rede de Controle no Estado do Mato Grosso (Rede-MT) é constituída como espaço colegiado do Tribunal de Contas da União, Ministério Público Federal, Advocacia Geral da União, Controladoria Geral da União, Controladoria Geral do Estado de Mato Grosso, Delegacia da Receita Federal em MT, Caixa Econômica Federal, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia, Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso, Conselho Arquitetura e Urbanismo, Ministério Público do Estado de Mato Grosso, Superintendência Regional da Polícia Federal, Ministério Público de Contas do Estado de Mato Grosso, Gabinete de Transparência e Combate à Corrupção/MT, Procuradoria Geral do Estado de Mato Grosso, Procuradoria Geral do Município de Cuiabá, Controladoria Geral do Município de Cuiabá e Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso.

A reunião da Rede citada foi realizada na sexta-feira (07.06) na sede do TRE-MT.

 (Com assessoria)
 
Assista Ao Vivo
 
Sitevip Internet