Mato Grosso,
Terça-feira,
17 de Setembro de 2019
informe o texto a ser procurado

Notícias / Polícia

05/09/2019 | 08:40

Família acusa suposto abuso a criança de dois anos em CMEI de Cuiabá

Olhar Direto

Família acusa suposto abuso a criança de dois anos em CMEI de Cuiabá

Foto: Jorge Pinho

A família de uma criança de apenas dois anos procurou a Polícia Civil, na última terça-feira (03), para denunciar um suposto abuso cometido contra a menor, que teria ocorrido no Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Joana Mont Serrat Spindola Silva, localizado no CPA III, em Cuiabá. A menina foi submetida a um exame e o caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica).

“Toda vez que a minha neta chega em casa, a gente olha e dá banho. Tem esse cuidado. Percebemos que a parte íntima dela estava ferida. Minha filha tirou foto, me mostrou e era nítido que estava machucada”, disse Ione Benedita, que é avó da criança de apenas dois anos.
 
A criança teria relatado para a família o nome de um homem, mas a avó acredita que a pessoa pode ter mentido para ela. “Só tem dois anos e mesmo assim falou um nome. Não sei se a pessoa pode ter mentido ou algo do tipo. Tem uma criança na sala dela com este nome. Minha neta estava com medo de ficar na sala de aula da creche”.
 
“Minha filha foi na creche, conversou com vários funcionários, assim como eu. Eles disseram que era uma acusação grave. Mas viemos atrás disto para que não aconteça com outra criança. Como aconteceu eu não sei, mas minha neta chegou com a parte íntima machucada”, disse Ione.
 
A menina foi submetida a um exame no Instituto Médico Legal (IML), que poderá comprovar o suposto abuso. A mãe da criança presta depoimento nesta quarta-feira (04) na Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica), que ficará responsável por investigar o caso.

Outro lado

A Prefeitura de Cuiabá informou à reportagem que soube da denúncia por meio da imprensa e determinou que o caso seja acompanhado de perto. Afirma ainda que está é a primeira denúncia desta natureza registrada em uma unidade da rede municipal. 

Veja a íntegra da nota:

Sobre o Boletim de Ocorrência registrado por uma mãe de aluna da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Cuiabá esclarece que:

- Tomou conhecimento do caso por meio da imprensa;

- Imediatamente, o prefeito Emanuel Pinheiro determinou aos secretários de Educação, Alex Passos e de Ordem Pública, Leovaldo Sales, que acompanhem de perto o caso; 

- Reforça que nunca houve qualquer tipo de situação parecida nesta unidade escolar, nem em nenhuma outra unidade da rede municipal de ensino de Cuiabá;  

- Comunica que uma equipe multidisciplinar da Secretaria Municipal de Educação já esteve hoje (04) na unidade para obter mais detalhes sobre o assunto;

- Informa que em unidades escolares como essa, as crianças de 2 anos não ficam sozinhas em sala de aula, pois são acompanhadas integralmente por Técnicos de Desenvolvimento Infantil (TDI); 

- A Prefeitura de Cuiabá se coloca à disposição da Delegacia Especializada dos Direitos da Criança e do Adolescente (Dedica) e garante que não vai medir esforços para ajudar a Polícia na elucidação do caso.

Prefeitura de Cuiabá
 
Assista Ao Vivo
 
Sitevip Internet