Mato Grosso,
Quinta-feira,
21 de Novembro de 2019
informe o texto a ser procurado

Notícias / Você viu?

06/11/2019 | 10:59

CPI de Brumadinho pede indiciamento da Vale e 22 diretores por homicídio

Veja.com

CPI de Brumadinho pede indiciamento da Vale e 22 diretores por homicídio

Foto: Reprodução

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara sobre o desastre em Brumadinho (MG) aprovou nesta terça-feira, 5, em uma votação simbólica, relatório com pedido de indiciamento da Vale e da empresa alemã Tüv Süd por crime socioambiental e corrupção empresarial. O texto do deputado Rogério Correia (PT-MG) pede também o indiciamento por homicídio doloso e lesão corporal dolosa de 22 diretores da Vale, engenheiros e terceirizados, entre eles o ex-presidente da mineradora Fabio Schvartsman.

Em 25 de janeiro, uma barragem da Vale em Brumadinho se rompeu, matando 252 pessoas. Há ainda 18 desaparecidos desde então. O reservatório já estava inativo, segundo a Vale, mas continha 12 7 milhões de metros cúbicos de rejeito de mineração, que atingiu funcionários e moradores da região.

A CPI fez ainda a denúncia de que há outras 20 barragens que estão com risco de rompimento, todas em Minas. A votação desta terça acontece quatro anos depois do rompimento de outra barragem da Vale, a de Mariana (MG), em 2015, que deixou 19 mortos.

“As empresas agiram em conluio que levou a um crime grave de corrupção empresarial, desacato ao meio ambiente e destruição ambiental séria, além de vidas que se perderam”, disse o relator Correa, que reforçou o pedido de crime doloso no texto. “Se colocamos é porque vislumbramos isso, foi um trabalho técnico de muita qualidade.”

O relatório traz ainda um projeto de decreto legislativo que propõe debate sobre reestatização da Vale, em mineração. Propõe também um conselho permanente de fiscalização da situação das barragens. Familiares e amigos das vítimas dos rompimentos das barragens acompanharam a votação e distribuíram fotos dos mortos pelo plenário da comissão.
 
Assista Ao Vivo
 
Sitevip Internet