Mato Grosso,
Segunda-feira,
25 de Maio de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Cidades

03/04/2020 | 14:33

Após morte, comércio em Lucas continua aberto e prefeito pede que aumentem rigor na higiene

Redação TV Mais News

Lucas do Rio Verde (255km de Cuiabá) seguirá com o comércio aberto, mesmo após ser anunciada a primeira morte do estado nesta cidade na madrugada desta sexta-feira (1). O prefeito Luiz Binotti pediu que os comerciantes “aumentem o rigor de higiene e distância de 1,5 metros entre as pessoas. As aulas nos colégios municipais, no entanto, seguem suspensas até o dia 30 de abril, em consonância com o decreto estadual.

O prefeito havia decretado o fechamento de todo o comércio no último dia 23 de março, quando não havia nenhum caso confirmado na cidade. As empresas puderam voltar a funcionar na última segunda-feira, dia 30 de março, e continuarão assim. “Peço aos comerciantes que aumentem ainda mais o rigor dentro dos estabelecimentos comerciais, que cuidem. Nós aqui já sabemos dos pontos críticos da cidade, que são a Caixa Econômica, Atacadão e cartórios, e já entrei em contato [com eles] para mudar alguns procedimentos de atendimento”, afirmou, em transmissão local na manhã desta sexta-feira (3).
 
Binotti afirmou que chamou os gerentes da Caixa, do Atacadão e dos cartórios, e reforçou a necessidade de que as pessoas fiquem a 1,5 metros de distância uns dos outros. “Precisamos que as pessoas entendam que idosos tem que ficar em casa, quando forem [ao supermercado] é pra ir uma pessoa só. Não leve a família, não leve as crianças”, disse. O prefeito ainda lembrou que precisa deixar os bancos abertos para que as pessoas recebem o benefício do Governo Federal, assim que for liberado.
 
Os únicos estabelecimentos que seguem fechados pelo menos até o dia 30 de abril são as escolas, tanto as municipais quanto as estaduais e privadas. Um decreto com esta determinação deve ser lançado na tarde desta sexta-feira (3). O prefeito também lembrou que pessoas que chegarem de viagem de São Paulo ou estados do sul devem ficar em quarentena. “Você mesmo pode denunciar essa pessoa se ela não estiver fazendo a quarentena. Vamos levar a sério, porque a pessoa que vem desses estados tem chance muito grande de estar contaminada e contaminar os luverdenses”.
 
O caso
 
A primeira vítima fatal do coronavírus em Mato Grosso morreu às 4h da manhã desta sexta-feira (3) no hospital São Lucas. Era um homem de 54 anos, hipertenso e com diabetes tipo 2. Ele foi testado no último sábado, dia 29, e o resultado foi divulgado pelo Laboratório Central de Mato Grosso na última quinta-feira (2). Outras três pessoas aguardam resultados do exame de COVID-19 em Lucas do Rio Verde. Duas delas também estão internadas no Hospital São Lucas. A previsão é que os resultados sejam publicados na segunda-feira.

“Nesse momento não tem mais definição de grupo de risco. Todas as pessoas precisam seguir as orientações, manter as regras de higiene pessoal e o isolamento social, o afastamento entre as pessoas”, completou o secretário de saúde do município, Rafael Bespalez. “E não tem como as autoridades públicas fiscalizar cada pessoa, vocês tem que ser seus próprios fiscais”.


Fonte: Olhar Direto

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Assista Ao Vivo
 
Sitevip Internet